quarta-feira, 18 de julho de 2018

Resiliência


Sentada no último
Banco daquela praça
Da última rua à direita
Tenho por companhia
Uma formiga-cabaça
E me dou por satisfeita

Noélia Ribeiro

Nenhum comentário: