sábado, 29 de julho de 2017

Poema de Ledusha


palavras de neve azularam como por encanto
da nossa paisagem
e naves rubras de febre aportam no açúcar da tarde
o sol ganha uma coroa de espinhos
e a paixão é uma romã a cuspir faíscas de rubi


Ledusha

Nenhum comentário: