quarta-feira, 8 de julho de 2015

Gentrificação


Viver na comunidade do Vidigal é privilégio de poucos
Do dia para noite é um vai e vem de pessoas
Nossa bela comunidade tornou-se ponto turístico
Todos querem conhecer o Arvrão, hotéis, a trilha e a bela vista
Com todo esse assédio e com a super valorização
Nós moradores continuamos com o pé no chão

Sentimos na pele a super valorização
Contas de luz alucinantes, que cobram do bolso do pobre as dividas de uma nação
São muitos os que sofrem com a opressão
A comunidade esta pensando em voltar a usar lampião

Vidigal não é mais lugar de pobre é lugar de gente nobre
As contas sufocam a população exercendo uma pressão
De 20, 50, 80, foi para 280
Há pessoas que foram sorteadas
Com contas premiadas de 3.450

A comunidade tem gritado, mas ninguém tem escutado
Escutamos explicações malucas de pessoas confusas
Não venha me dizer que as pessoas tem pago triplicado
Porque tinham gatos.
Na verdade gato eu não tenho, tenho um gênio de cão
Fico revoltada e sinto muita indignação

Tenho todas as contas antigas e todas estão em dia
Será que a comunidade do Vidigal se tornou acesa?
Como os holofotes de uma realeza?

Talvez esse seja o motivo dessa super faturação
A mente do pobre vive acesa e consegue enxergar com muita clareza

Escutamos muitas ofensas
De uma sociedade que não tem consciência
Somos chamados de porcos e de favelados                                                                       

Mas não comemos as lavagens da sociedade.

Denise Soares

Um comentário:

Rosemary Pereira Nunes Dias disse...

Parabéns amiga, sabias palavras.