quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Três Constructos, um poema de Lucas Viriato

.

Existe mais verdade
no rastro da cobra
que rasteja no chão
escrevendo na areia
do que nessas palavras tolas
mera observação, por certo besteira.

Existe mais verdade
em qualquer vôo de pássaro,
na invisível movimentação de ar
escrita com a ponta das penas,
do que nessas palavras fugazes
tentativa de contemplação digna de pena.

Porém, não fossem essas palavras hábeis,
zumbindo entre o céu e o chão,
nunca que estaríamos aptos
para ver verdades alheias
a escrita invisível do pássaro,
o rastro da cobra na areia.

Lucas Viriato de Medeiros

Do Livro Retorno ao Oriente, 7Letras, Novembro de 2008

2 comentários:

Você sabe Quem disse...

Vem comigo!!!

Guilherme disse...

FANTÁSTICO