segunda-feira, 11 de maio de 2009

ULISSES (REMOENDO-SE TODO)

.
.
........por sua vez, ela terá escrito um best-seller oportunamente batizado de “Ausência” (“A Tua Ausência”, “Dilacerar-se de Ausência”, “Ulisses Ausente”), ter-se-á feito fanal das mal'amadas, as postas de parte, as deixadas pra tear — vertida em línguas que nem sonham existir, terá feito a burra do dinheiro, terá mandado Telêmaco aprender os clássicos em Harvard, Princeton ou Yale
.
.

Um comentário:

Luiz Coelho disse...

Incrivel, não me canso de ler.